Um dos grandes benefícios da inteligência geográfica é que ela permite explorar novos mercados por meio de análises detalhadas de cada lugar. Essas análises não levam em consideração apenas questões demográficas da região,mas também a descoberta de oportunidades locais e mercados emergentes. Com os avanços na área de inteligência geográfica e a evolução de ferramentas analíticas diversos tipos de projetos são beneficiados.

É preciso entender que a inteligência geográfica não é apenas um análise espacial, mas uma forma de cruzar dados espaciais com  técnicas matemáticas para identificar e alcançar objetivos. Por meio da análise de dados e da geolocalização, gestores podem ter acesso a uma grande quantidade de informações que indicam o soluções e potenciais de mercado.

A inteligência geográfica permite, por exemplo,avaliar uma região para abertura de um ponto comercial ou otimizar territórios de vendas ou promoções. Essa tecnologia pode ainda ser utilizada no setor de utilidades públicas, pois elas possibilitam que o governo possa determinar com mais assertividade como realizar investimentos em infraestrutura se baseando nos dados coletados.  

Um exemplo disso é o IGO, desenvolvido pela Geoinova, onde são disponibilizados  dados socioeconômicos, geográficos e de infraestrutura do Estado de Goiás. Isso permite, por exemplo, que aconteça o acompanhamento detalhado de obras públicas, com a disponibilização dos contratos. Essa é uma ferramenta com alto potencial de impacto econômico, em que é apresentada uma radiografia socioeconômica de Goiás. Você pode conhecer mais sobre esse produto clicando aqui. www.investegoias.go.gov.br

Quer conhecer sobre mais como a inteligência geográfica pode te ajudar? Entre em contato com a Geoinova.